Novo Banco cede "Cuidados de Amor" de Malhoa a Figueiró dos Vinhos

A pintura “Cuidados de Amor” de José Malhoa da Coleção de Pintura do Novo Banco foi cedida, hoje, dia do Concelho, ao Museu e Centro de Artes de Figueiró dos Vinhos.

O protocolo entre o Novo Banco e o Município de Figueiró dos Vinhos, tutelar do referido Museu, foi assinado durante a Sessão Solene da Assembleia Municipal na Casa da Cultura que se iniciou pelas 18 horas, seguindo-se a apresentação da peça no Museu e Centro de Artes, e contou com a presença do Administrador CA Executivo, Dr. Vitor Fernandes, da Dr.ª Celeste Amaro, Diretora Regional da Cultura do Centro, e do Presidente Câmara Municipal de Figueiró dos Vinhos, Jorge Abreu.

A parceria estabelecida entre as duas instituições permite a disponibilização da obra a título permanente no Museu figueiroense e é uma iniciativa que faz parte do projeto Novo Banco Cultura criado com o intuito de “disponibilizar ao público o património cultural e artístico do Novo Banco, através de parcerias com entidades públicas e privadas, como Universidades e Museus, de âmbito nacional e regional.”

A pintura Cuidados de Amor, datada de 1905 esteve exposta apenas duas vezes ao longo do século XX, a primeira em 1906, no Rio de Janeiro, na Exposição individual de Malhoa no Real Gabinete Português de Leitura, e a segunda em 1983 em Lisboa, na Retrospetiva sobre a obra do pintor realizada por ocasião do cinquentenário da sua morte.

José Malhoa, nome de relevo e referência nacional, viveu grande parte da sua vida em Figueiró dos Vinhos, terra que serviu de inspiração a muitos dos seus quadros, sendo por isso uma das personalidades das artes responsáveis por projetar este concelho no mapa português. A cedência de “Cuidados de Amor” é, por isso, motivo de regozijo para os figueiroenses e de enriquecimento do concelho, e pode ser vista por todos a partir de hoje, no Museu e Centro de Artes de Figueiró dos Vinhos.

Newsletter